Bem vindo 2016

g

Já chegou o Ano 2016 e hoje mesmo começou as suas novas funções, chegou animado até, mas já se sabe que a vida de Ano estagiário é dura, o 2015 que o diga. Espero que lhe tenham dado o manual de acolhimento e que se possível lhe tenham dito que a malta aqui de Portugal não se importa de ter 4 estações. Nem é tanto pelo tempo, mas pela piza! Sem as 4 estações deixa de fazer sentido o nome de uma das pizas favoritas dos portugueses.

Ainda por cima parece que o novato vai trabalhar mais 1 dia que o seu antecessor, parece que é bissexto… não me interpretem mal, eu não tenho nada contra, o 2012 também era e gostei bastante dele, mas já se sabe que algumas pessoas não são assim tão tolerantes.

O que me deixa realmente triste é ver que nenhum destes Anos passa do estágio, estão cá um ano e depois é a mesma conversa: Foste bom e tal, gostámos bastante do teu trabalho, mas sabes como é, não nos permitem renovar contratos é a crise e a conjuntura e mais sei lá o que, mas o que eles querem dizer mesmo é: Toca a andar que se faz tarde e temos uma lista de Anos novos para vir ocupar o teu lugar, aqui ninguém fica efetivo, por muito bom que tenha sido, sai Ano entra Ano, sempre foi assim, parece que funciona…

Vida de Ano é difícil, fazem-te uma festa quando chegas, e outra quando te vais embora, mas durante o resto do tempo estão sempre a criticar-te, hipocrisia temporal.

O que me chateia em todos os Anos novos (parece que fazem de propósito, devem aprender isto na escola de Ano Novo) é que trazem sempre aquele dilema (estúpido) de: Até quando é aceitável dizer Bom Ano?

a) Até se ver a pessoa pela primeira vez (mesmo que só a vejamos em 31 de dezembro de 2016)?
b) Até ao fim do primeiro mês do ano?
c) Até se cantarem as Janeiras ao Aníbal | Marcelo | Tino, ou qualquer outro senhor(a) que esteja a brincar de PR?
d) Até ao dia 1 de janeiro, depois que se lixe, dia 2 já é dia de trabalho, bom ano o car*lho!
e) F*ck this shit, o ano é novo mas está tudo igual, com a diferença de ter tudo menos dinheiro para gastar em janeiro e já estar tudo a pensar nos fatos do carnaval!
f) Esse dilema é realmente estúpido e não aplica porque sou Cristão Ortodoxo | Sigo o calendário Chinês!

Bom ano a todos, mas não se afeiçoem muito que ele vai embora depressa e não volta 😉